Tempo, espaço e simbologia: estudo das imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello

Tempo, espaço e simbologia: estudo das imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello

REZENDE, Jussara N. Tempo, espaço e simbologia: estudo das imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello Breyner Andresen. Sarbruque, Alemanha: Novas Edições Acadêmicas, 2017.

 

Tempo, espaço e simbologia: estudo das imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello Breyner Andresen (2017), meu livro mais recente, foi publicado pela editora alemã OmniScriptum GmbH & Co., conhecida comercialmente como NEA – Novas Edições Acadêmicas.

Eu ainda não havia falado dele aqui por causa das reformulações pelas quais passava (ainda passa) este espaço. Dei-me conta, entretanto, de que estamos já em maio e de que um lançamento de 2017 precisava ser comentado já, antes que também 2018 desapareça na poeira dos dias.

Como o título indica, a obra focaliza os versos das duas poetisas, brasileira e portuguesa, irmanadas pela vivência poética de uma mesma época marcada por reflexões filosóficas sobre o destino do homem no espaço-tempo.

Ainda que a escritora brasileira focalize a problemática da vivência do amor diante da inconsistência dos caminhos e dos instantes, enquanto a portuguesa se deixa envolver pela luta por um espaço-tempo ancestral, indiviso e sagrado, seus cantares soam uníssonos e puros por valorizarem a magia do ritmo e revelarem a profundidade do ser em seus aspectos oníricos ou místicos.

Nesse sentido, até mesmo os espaços descritos ou sugeridos nos poemas apontam para os cenários interiores do enunciador dos versos a indicarem sua solidão, seus valores e expectativas, muito embora representem, como espaços que são, possibilidades de busca, de encontro, de exteriorização do ser em relação ao que o rodeia e aos outros, ou a um outro/Outro especial. Semelhantemente, o tempo, ao representar aquilo que o ser é, o que busca e espera, expressa a interioridade do ser, exteriorizando-o, simultaneamente, ao possibilitar-lhe a travessia no espaço-tempo que outros com-partilham.

Ao focalizar, portanto, as formas que espaço e tempo assumem na poesia de ambas as escritoras, investigo, nesse livro, a possibilidade de essas imagens servirem à revelação da experiência humana no tempo e no espaço.

Os interessados por essa reflexão poético-filosófica, que envolve a análise de 19 poemas, podem encontrar o livro Tempo, espaço e simbologia: estudo das imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello Breyner na loja da editora, aqui.

O livro pode também ser encontrado na Amazon.com, Libri, KNV e Lightning Source.

 

 

 

Beijo&Carinho,

 



2 thoughts on “Tempo, espaço e simbologia: estudo das imagens poéticas de Cecília Meireles e Sophia de Mello”

  • Olá, Jussara, adoro Cecília Meireles, O Retrato, Motivo , Como se morre de velhice entre tantos outros poemas maravilhosos, para mim Cecília figura no primeiro escalão. Tua postagem está ótima. A poeta Sophia de Mello quero conhecê-la.
    Beijo, amiga, parabéns pela postagem e pelo livro!
    Sempre sucesso!

    • Obrigada, Taís, pelo carinho. Você vai gostar de Sophia, acredito. Menos doce que Cecília, um tanto mais seca… mas de uma profundidade! Beijo&Carinho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *