10º BookCrossing Blogueiro

10º BookCrossing Blogueiro
Está aberta a temporada de libertar livros! De hoje a
23 de Abril acontece o 10º BookCrossing
Blogueiro
e estou feliz por participar pela primeira vez. Costumo vez por
outra libertar livros, mas não da forma organizada que propõe a Luma, do Luz de Luma, yes party!
Este ano, entretanto, quando meus filhos sairão de
casa e minha biblioteca migrará para o atual quarto de minha filha, muitos livros
entraram numa lista de desapego e este momento coincidiu com a realização do
BookCrossing, o que me traz aqui.
Para participar é simples: basta ter um (ou mais) livros que queira libertar (tirar da prisão da estante e oferecer a ele nova
oportunidade de ser lido e, a quem o encontrar [num lugar movimentado como uma lanchonete, um parque, o metrô..], uma boa chance de leitura),
escrever uma dedicatória ou um bilhetinho explicando que o livro não está
perdido e convidando quem o encontrou a ler e depois a libertá-lo novamente – como no exemplo abaixo:
Assim, o livro cumpre o seu destino de contar histórias, encantar, revelar,
denunciar, libertar… e quem o liberou sente a alegria de ter participado de
uma engrenagem que pode transformar vidas, 
fazer leitores e, quem sabe um dia?, fazer melhor o lugar em que
vivemos.
Para oficializar a experiência, faz-se um post sobre os livros que libertou e envia-se o link para a Luma a fim de que ela registre
seu nome entre os participantes – eu estou neste etapa.
Os livros que libertei neste início de abril:

·       Uma caixa de papelão (dessas
de supermercado) de livros de técnicas de redação – doada a uma prima que
trabalha no ensino médio com esse tema;
·    Outra caixa com
livros para o ensino de literatura – doada ao noivo de minha filha, também
professor;
(Trabalhei
muitos anos nessas áreas. É justo que esses livros continuem a inspirar quem
começa a atuar onde parei)
·     Uma caixa de
livros evangélicos para a futura sogra de minha filha. Ela coordena um grupo de
estudos bíblicos que se reúne semanalmente;
·   6 livros
evangélicos para uma amiga que quinzenalmente visita pessoas que lutam contra a
depressão e entre as quais distribui literatura cristã. Ela sempre leva livros
novos e recolhe os anteriores, mas se estes foram repassados ou se perderam,
não há problema: “Sempre há livros novos que chegam”, diz ela serena, com um
sorriso bonito.
E, finalmente, as libertações ligadas ao 10º BookCrossing Blogueiro:

– Minas de mim,
com poemas de minha autoria;
– Dora e Dorinda
– romance que escrevi em parceria com Abel Faleiro;
– O burrico Lúcio – de Léo Vaz. O livro conta a história do jovem Lúcio que, transformado em burrico, vive uma série de aventuras às voltas com ladrões, aproveitadores e escravos;
– O livreiro de Cabul – escrito por uma correspondente de guerra no
Afeganistão, a norueguesa Âsne Seierstad, este livro é uma reportagem
jornalística mas, ao mesmo tempo, um emocionante relato das condições extremas
em que vive aquele povo e a importância, nesse contexto, do acesso aos livros: 
Desejo a todos os meus livros libertados uma feliz
viagem ao encontro de novos leitores e experiências!
Ah!… Você já está participando do sorteio aqui do blog

Beijo&Carinho,

Jussara


11 thoughts on “10º BookCrossing Blogueiro”

  • Oi Jussara!

    Eu sempre tento participar, mas acabo esquecendo…tenho alguns livros aqui perfeitos para irem para outras mãos, outros olhos…
    Vou ver se dessa vez não esqueço e participo.

    beijos, Renata
    palpitandoemtudo

  • OI Jussara, que lindos livros você libertou…tenho certeza de que alimentarão a mente e o coração de quem os encontrar.
    Também fiz uma grande libertação de livros neste ano, mas foi um pouquinho antes do projeto da Luma. Cerca de 100 livros infantis foram doados para a biblioteca de um abrigo de crianças e os de adultos foram para um projeto de leitura de uma ONG que apóio.
    Dá uma alegria saber que outras pessoas usufruirão deles.
    Bom feriado
    Bjs

  • Oi, Jussara!
    Que delícia encontrar você participando do BookCrossing Blogueiro!! Fiquei feliz e saltitante 🙂
    O objetivo do BookCrossing Blogueiro é fazer com que a iniciativa se torne um hábito na vida das pessoas e que um dia, quando eu não mais organizar o evento, a prática se torne um hábito na vida das pessoas que participaram. Fico mais feliz ainda em saber que você já libertava os livros antes de participar do evento.
    Sabe que encontro muitas pessoas apegadas aos livros, mas nem sempre é pelo conteúdo e sim pelo "objeto". Vejo nisso um ranço de uma visão errada do que é deter o saber, como se o livro fosse uma vitrine que mostrasse que aquela pessoa é sábia. Pois sabemos que a sabedoria só é aplicada quando inserida em nossa mente e repassada para as pessoas. Sábia é a pessoa que transmite conhecimento. Do contrário, a burrice morrerá com ela 🙂
    Obrigada por participar do BookCrossing Blogueiro!!
    Beijus,

  • Oi Jussara, é a Vi, eu sou a favor de não acumular nada, aqui em casa são raros livros que eu preservo, e doar para bibliotecas também é muito bom, porque lá apessoa lê e tem que devolver.
    Obrigada por responder a pesquisa no Tacho.
    Beijos,Vi

  • Olá Jussara
    Obrigada pelos cumprimentos, com tão belas palavras. Desejo a você também, muitas felicidades pelo aniversário, com muita saúde e bênçãos.
    Adorei sua postagem, e parabéns pela participação, nesse importante evento.
    Eu ando um pouco ausente, devido aos cuidados com marido, mais vamos indo, com a graça de Deus.
    Beijo carinhoso

  • Minha querida, os filhos vão deixar o ninho? Como se sente em relação a esta etapa? Nada do famoso efeito "ninho vazio" ainda? Espero que eles continuem por perto e, enfim, pelo menos os livros ganharam mais espaço.
    A minha melhor amiga faz parte do Bookcrossing aqui em Portugal mas, ainda não consegui entrar no espírito. Não é que seja falta de desapego, cada vez que mudo de casa doo algumas dezenas de livros, mas… não sei explicar. Mas aplaudo a sua iniciativa e desejo que quem encontrar essas pérolas as saiba apreciar.
    Beijinhos, um doce fim-de-semana
    Ruthia d'O Berço do Mundo

  • Que maravilha esta experiência! Libertar livros deve ser como libertar pássaros…Já os filhos, levam um pedaço do nosso mundo com eles…
    Beijos, querida Jussara e uma linda semana!
    Ana

  • Oi Jussara!

    Vi que você participou ano passado do Bookcrossing e gostou do projeto. Quer participar este ano novamente? Vai até dia 23, qualquer dúvida passa lá no blog. Este ano, na ausência da Luma pra organizar eu tomei a frente.

    E se participar manda o link pra mim que eu faço uma lista de participantes! 😉

    Beijinhos! – espelhodesi.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *