Cactos, casinhas, caminhos desconhecidos e saudade

terça-feira, agosto 21, 2012 Jussara Neves Rezende 19 Comments


Meus vasinhos de cactos pediam um espaço só para eles e eu o encontrei na janela que ilumina o primeiro patamar de escadas da minha “torre” – apelido carinhoso que dou à minha casa em razão de sua altura e número de degraus.





Os cactos exigem tão pouco! Água uma vez por semana... e a claridade do sol que se derrama sobre esta janelinha colorida. Algumas espécies se viram totalmente em direção à luz e vez por outra me presenteiam com surpresas lindas como esta flor:




Abaixo das janelinhas dos cactos há um aparador sobre o qual acomodei minha coleção de casinhas adquiridas pelos lugares por onde andei. As casinhas são para mim símbolos do aconchego do meu próprio lar e lembram-me sempre que nunca devo me afastar por muito tempo a fim de evitar a dolorida saudade:








“O ser perfeito da minha espécie, o verdadeiro andarilho, não deveria nem sequer conhecer a saudade. Eu, porém, a conheço” – afirma Hermann Hesse – e penso que somos parecidos no desejo de andar por caminhos desconhecidos e na saudade pelo que atrás fica:


   Não sou perfeito, nem tento ser. Quero desfrutar de minhas nostalgias da mesma forma que desfruto de alegrias. Galgando, vou ao encontro deste vento com este perfume maravilhoso de distância, de além, de limites de águas e de línguas – vem repleto de promessas.
                                                 (HESSE, H. Caminhada. Citado de memória)



Comente, comente, comente... vou amar!


Beijo&Carinho,


Jussara




19 comentários:

  1. oi Ju,

    adoro cactus, adorei teus bibelos na decor....

    desculpa nao ter aparecido mais, a vida ta bem corrida e ja era pra eu estar dormindo kkkk

    quinta viajo e ficarei uns dias ausentes do blog, mas vou programar uns posts....na volta passo aqui


    bjo
    Grasi
    adoroolilas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nem tinha me tocado que nao estava te seguindo....então agora sou a de numero 174 :)


    bjo
    Grasi
    @adorolilas

    ResponderExcluir
  3. Lindos cactos. Achei linda a florzinha de um deles. É impressionante a quantidade e variedade de lindas que eles possuem.
    Ah! Achei muito fofa a coleção de casinhas. Muito bonitas!

    ResponderExcluir
  4. BOM DIA, COLEGA!!
    QUERI TE ENCONTRAR NO FACEBOOK. CÊ NÃO TEM? SÓ ACHEI TUA PÁGINA...
    EU ESTOU COMO DONA GAM MESMO. VAMOS PROSEAR UM BOCADO SE EU TE ACHAR E CÊ ME ACEITAR... KKKK
    ADORO SUCULENTAS!!
    TENHO 42 ESPÉCIES AQUI EM CASA.
    TENHO TODOS OS NOMES E DEVIDAD FOTOS DE CADA ESPÉCIE. OS CACTOS DÃO FLORES LINDAS. SÃO PLANTAS MARAVILHOSAS.
    TEUS VASINHOS ESTÃO UMA GRAÇA!
    ADOREI TUA COLEÇÃO DE CASINHAS. UM MIMO!!
    AQUI EM CASA, TEMOS DE DISCOS, DE CD'S, DE MOEDAS, DE CHAVEIROS, DE CONCHAR, DE PEDRAS BRASILEIRAS...
    UM MUSEU!! KKK
    ADOREI A POSTAGEM.
    PASSE NO BLOG DOS MEUS GATOS E CONFIRA AS DUAS ÚLTIMAS POSTAGENS. Cê VAI GOSTAR.
    HOJE É TERÇA, TEM RECEITAS FRESCA, OK?
    TENHA UMA LINDA SEMANA, QUERIDA CONTERRÂNEA!
    ABRAÇÃO PROCÊ E INTÉ MAIS VÊ!!

    ResponderExcluir
  5. Lindos cactus e a florzinha deles, um amor...E as casinhas, lindas!!beijos,chica

    ResponderExcluir
  6. Oi Jussara. Que lindos estão seus cactus. Eu tinha dois vasinhos com cactus e infelizmente o Pastor Alemão daqui de casa esmagou....Vou providenciar outros....Gosto muito deste tipo de planta por não necessitar de tantos cuidados e por ser de uma beleza....principalmente por suas flores. Meu marido, certo dia trouxe uma flor de mandacaru para mim, que ele viu num passeio ao campo. Fiquei feliz pelo gesto carinhoso, mas disse a ele que deveria ter deixado lá. A flor do mandacaru só é bela quando está na planta.É como se ela perdesse algo e ficasse incompleta.

    Lindas as suas casinhas. Fiquei pensando em ter uma coleção dessas....sou caseira ao extremo.rrss..
    Bijos, Flor.

    Isabel Ramalho

    ResponderExcluir
  7. Oi Jú!
    Que lindos seus cactos! E nesses potinhos coloridos, dão toda alegria à janela né? Aliás, com o aparador enfeitado pelas casinhas, você conseguiu fazer de um cantinho provavelmente antes inativo, um lugarzinho gostoso, e que com certeza traz o gostinho de aconchego de um lar! Achei lindo!
    Vejo as casas "chiques" de hoje, com seus móveis planejados (nada contra!), mas que nada pode saltar à vista, é tudo monocromático e igualzinho... de uma coisa eu tenho certeza, nada vai deixar essa lembrança gostosa de "minha mãe que fez", "é a cara da minha filha", "é lembrança da minha avó"... pra mim, ta aí a diferença entre casa e lar! Bjinhos, flor, ótimo restinho de semana e fica com Deus!

    ResponderExcluir
  8. Lindas suas casinhas! E seus cactos são fofos. Acho que serão os únicos que poderia ter, pois mato todas as plantinhas que tento criar...rsrs...
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  9. Oi Ju... tudo bem? Que saudades!!!!!
    Quase desisti do meu blog por falta de tempo... e eis que, nessa semana que se passou, ele ressurgiu... rsrsrs
    Amei seus cactos na janela e, coincidência ou não, estou começando minha coleção de cactos e suculentas para também colocar na janela da minha escada.
    E sobre as casinhas, lindas, eu tenho uma de cerâmica, feita por um tio aos 15 anos e dado a uma senhorinha que antes de falecer me entregou para que eu cuidasse e esta comigo até hoje!
    Temos mais coisas em comum do que imaginamos, hein dona moça?

    Beijos!!!!!

    ResponderExcluir
  10. Também adoro minha casa. Acho até que meu gosto pelas viagens está relacionado ao prazer de voltar para casa. A sua é linda, cheia de cantinhos agradáveis que vai aos poucos compartilhando conosco. Obrigada. Bjos

    ResponderExcluir
  11. Oi Jussara, é a Vi, quanta delicadeza e glamour, e amei os cactus na janela e as casinhas.
    Do Hermann Hesse, já li Sidarta e é muito bom, e lendo a biografia do Hermann, acho que a historia do livro Sidarta tem uma relação com a historia de vida dele.
    Muitos beijos,Vi

    ResponderExcluir
  12. Oiss!

    Os cactos estão lindos, ao olha-los sempre lembro de minha mãe que os adorava. Estou começando a colecionar suculentas, tenho umas 7 e são tantas que nunca terei todas. rsrsr
    Mimo também as casinhas. Mas o que me encanta mesmo é o modo que faz cada post.

    bjs e linda semana

    ResponderExcluir
  13. Oi Jussara!!! Adorei ver que você também é uma colecionadora!! Gostei muito de suas casinhas, afinal nada melhor que lembranças de viagem para trazer boas recordações de momentos felizes!!!
    Grande abraço!!!
    www.arquitrecos.com

    ResponderExcluir
  14. Oi u

    Amei tua coleção de cactos e suculentas, pequena , mas seu cantinho é perfeito e os vasinhos mito lindos também.
    As casinhas estão lindínhas demais, quero fazer uma coleção de passarinhos, mas só tenho um de ferro ainda, rs.

    bju querida!

    ResponderExcluir
  15. Jussara!!! Saudades...

    Que post mais fofinho.. Obrigada por compartilhar mais um pouco do seu cantinho. Amo Cactos, mas no momento n tenho nenhum aqui em casa.. :(
    E essas casinhas, menina.. Puro charme!!!

    Amei amei..
    Bisous
    Joanna

    http://mapetitelima01.blogspot.fr/

    ResponderExcluir
  16. Oi, Ju, saudades!

    Desde que voltei tenho tentado comentar aqui, mas o meu computador tem operado numa lerdeza exasperante! rsrs.
    Muito interessante a sua coleção de casinhas e os cactos são lindos, "Bellita", minha filha, adora cactos, rsrs.
    Eu tenho um certo fascínio por Hermann Hesse, já li quase tudo que ele escreveu mas, apesar de o considerar um excelente escritor, não sei direito se gosto das idéias dele, talvez não as compreenda muito bem.
    Em Demian, por exemplo, para mim não fica clara qual é a premissa dele, seria a confrontação dos valores da moral vigente? Em O Lobo da Estepe, as mesmas idéias são, de certo modo, apresentadas com outro enfoque, e segue assim por praticamente toda a obra dele.
    Mas Hesse foi muito influenciado por Nietzsche, que é outro pensador que me deixa de pé atrás, rsrs.

    Um beijo e bom dia, querida!

    ResponderExcluir
  17. Minha amiga como sempre saiu encantadas, com palavras e sentimentos depositados em suas letras! Hoje levantou a curiosidade em saber quantos andares há em sua torre?
    Os cactos são predominante na minha região. São as plantas que mais se adaptam ao nosso calor, a nossa seca.
    Aqui no nosso sertão sempre encontramos diversos cactos espalhados e embelezando nossa mata.
    Eu não tenho mais cactos, por conta que tenho uma pequenina em casa e tenho um au au desastrado. Evito os acidentes com seus espinhos.
    A casinha é o simbolo do lugar da felicidade pra mim. Super me emocionou sua definição do lar.
    Beijinho especial.
    Uma quarta-feira, repleta de coisas boas!
    Lorena Viana

    ResponderExcluir
  18. Bom dia Juuu,que bela sua janela!!
    Também gosto de cactos,tenho 2 minis.Onde estou morando tenho pouco espaço,mais amo plantas e aqui em Limeiras tem uns viveiros de flores maravilhosos(aqui chama-se viveiros onde compramos mudas)são verdadeiros "Campos de flores" Eu fico doida pra levar tudo comigo.Beijo grande amiga,esteja na paz do Criador...Lili.

    ResponderExcluir
  19. Ahhh,como disse a Gam,e o face? não tem? bora prosear com agente.rsrsr beijooo.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e pelo comentário :)
Volte sempre!